4 dicas para melhorar seu marketing pessoal no LinkedIn

  • Posted on
  • by
  • in

LinkedIn.jpg

Tem um perfil no LinkedIn? Então, veja nossas 4 dicas para melhorar sua estratégia de marketing pessoal e se relacionar melhor com a sua rede:

1. Use uma boa foto

Segundo o LinkedIn, perfis com foto recebem, em geral, 14 vezes mais cliques do que perfis sem imagem.

Para causar uma boa impressão com a sua foto, use uma imagem de boa qualidade com foco seu rosto, iluminação adequada e fundo discreto (lembre-se que o tamanho da foto de perfil no LinkedIn é 500 x 500).

Com relação à sua aparência, o ideal é se apresentar, se não formal, coerente com a sua área de atuação. Além disso, sorrir na foto pode sugerir que você é uma pessoa amigável e fácil de lidar.

2. Crie um link personalizado

Sabe aquela expressão com números e símbolos aleatórios depois da barra no seu perfil do LinkedIn? Você deve substituí-la pelo seu nome para facilitar que o seu perfil apareça entre os resultados nas buscas no próprio LinkedIn e inclusive no Google.

Dessa forma, o link fica mais apresentável para ser usado também nos seus cartões de visita, assinaturas de e-mail e apresentações de slides. Para personalizar o link, siga as instruções do LinkedIn para personalização de URL do perfil.

3. Seja objetivo, inclua palavras-chave e liste competências

Não é recomendável que você copie e cole o texto do seu currículo para o LinkedIn. Afinal, estamos falando de formas diferentes de apresentar suas competências. Apesar disso, aquela regra de ser objetivo no seu currículo continua valendo para o LinkedIn.

Por isso, escreva textos curtos e precisos (principalmente no resumo), inclua palavras-chave relacionadas à sua área de atuação e suas competências e relacione suas habilidades para obter os chamados "endorsements", que são as ações em que seus contatos confirmam que você tem as competências que listou.

4. Conecte-se com pessoas relevantes

A recomendação é se conectar apenas com pessoas que você conhece ou que tenham alguma relação com os seus interesses profissionais ou área de atuação. Do contrário, você corre o risco de ser indiscreto ao convidar para a sua rede alguém que não o conhece ou simplesmente perder tempo com conexões sem sentido para ambos os lados.

Esperamos que as dicas de hoje possam ajudá-lo a se relacionar cada vez melhor com a sua rede profissional e aproveitar as oportunidades que o LinkedIn oferece. Até a próxima publicação!