O que a Black Friday 2016 revelou sobre mobile?

  • Posted on
  • by
  • in

 

black-friday-e-commerce.jpg

 

Você sabia que, em um intervalo de apenas 24 horas, a Black Friday contribui com 25% do faturamento do e-commerce brasileiro no período do Natal? Neste ano, o maior dia de vendas do comércio eletrônico também mostrou informações interessantes sobre o uso de mobile.  Confira alguns dos dados levantados pela Ebit:

1. Vendas por mobile mais que dobraram

Aproximadamente 20% das compras online feitas durante a Black Friday partiram de dispositivos móveis, incluindo celulares e tablets. O percentual corresponde a R$380 milhões do total de R$1,9 bilhão vendido pelo e-commerce na Black Friday 2016. Em 2015, apenas 9% das compras foram feitas por celulares e tablets, ou seja, o percentual mais do que dobrou neste ano.

2. Tíquete médio foi maior no mobile

O levantamento da Ebit indica que quem compra pelo ou tablet gasta mais. Segundo a empresa, o tíquete médio das compras realizadas por dispositivos móveis foi R$759,00 - valor 20% maior em comparação ao tíquete médio das compras feitas via desktop.

3. Design responsivo foi a aposta de grandes lojas

Tamanho crescimento das compras feitas via dispositivos móveis foi uma surpresa para a Ebit.  Pelo jeito, empresas de peso reconheceram que o smartphone é o principial meio de acesso à internet para muitos compradores e adaptaram seus canais.

O CEO da Ebit, Pedro Guasti explica que as grandes lojas investiram no desenvolvimento de aplicativos e sites responsivos, impulsionando a venda de produtos de maior valor agregado, como linha branca, celulares e eletrônicos.

Sabemos que a conversão de vendas por meio de canais móveis - seja site ou app - ainda é bem menor do que a registrada em desktops. Apesar disso, vemos que o crescimento de vendas por mobile mais que dobrou na última Black Friday. Por isso, vale a pena relembrar 3 detalhes do seu site que melhoram as conversões mobile.

Até a nossa próxima publicação!